Uma experiência inesquecível:LONDRES!

Olá amigos!

Estava com saudade de compartilhar meus aprendizados aqui no blog… Foi muita correria até aqui! Que Deus me ajude na disciplina de alimentar este espaço, para edificação de quem passar por aqui.

Hoje, estou tao tranquila em minha casa, pensando em tantas coisas que vivi desde o inicio do ano e me deu uma vontade de escrever.

Há alguns dias, o Diante do Trono foi a Londres e dias antes, vivemos dias intensos marcados pelos Congressos de Louvor e de Pastores e esposas de pastores. Na correria, nem dava pra ficar pensando e suspirando: “Londres!” rsrs Mas era um sonho se realizando, principalmente quando penso que se não fosse o Senhor, eu jamais viveria tudo isso! Estou vivendo o cumprimento de promessas Dele em minha vida e cada vez mais meu coração afirma:”Somente em Deus posso confiar!”

Nao vou me aprofundar muito sobre a gravação do filme, pois o meu desejo é expressar o que o Senhor fez em minha casa, na minha vida.

Foi muito bom conhecer tantos brasileiros, poder abraçá-los e fortalecê-los com uma palavra de benção, ouvir tantos testemunhos de como os cultos da IBL são acompanhados fora do Brasil e muito mais! Quantas lágrimas de emoção daqueles que queriam nos conhecer, nos ver de perto… Nas ministrações fora do Brasil é possível descer do palco e falar com todo mundo pois o público é bem menor.

Em um dos dias de gravação, eu recebi um convite para ministrar na Assembléia de Deus Alpha, uma igreja de brasileiros, portugueses, angolanos e moçambiquanos. Mas a equipe do DT estava toda entusiasmada em conhecer a Hillsong London, o ministério de louvor deles, enfim, toda aquela estrutura brilhante. E foi aí que eu fiquei tão dividida! Ía na igreja que havia me convidado, onde eu não conhecia ninguém ou acompanhava minha turma do DT, que por sinal, amoooo e é muito bom e super engraçado estar com eles.

No dia seguinte em que recebi o convite, uma amiga me mandou uma mensagem:”Deus te entregou uma chave para estes dias. Não erre a porta!” Fiquei com aquilo no meu coração, tentando entender e buscando o discernimento do alto.

Conversei com a Ana e com o Junior sobre o tal convite e jamais esperava que eles me liberassem, justamente porque ninguém do DT poderia me acompanhar, mas aconteceu justamente o contrário e eles me deram todo apoio.

Então cri que aquilo vinha do Senhor e renunciei o passeio a tão sonhada Hillsong London! E os meus amigos dizendo:”Você não vai com a gente?! Como assim?!” rsrs

Lá fui eu! Assim que cheguei na igreja senti algo diferente! Uma alegria tão grande de estar ali, tendo a oportunidade de abençoar quatro nações! Aleluia!Eu estava tão cansada pois havia andado pelo centro de Londres o dia inteiro, mas recebi um renovo, uma força… O pastor me deu a oportunidade e até hoje, me lembro de como foi a condução do Espírito Santo através de mim. Eu sempre peço que seja Ele mesmo guiando todas as coisas, mas existem dias especiais como este. As palavras, a lista, os espontâneos, as visões, as revelações! Foi um fluir suave! Foi um quebrantamento! O meu medo foi sendo trocado pela paz e pela doce presença do Senhor.

Outro momento marcante foi ouvir do pastor Moacir, um convite para voltar a Londres em setembro! Bem na data do meu aniversário de casamento! Eu jamais esperava por isso! Estou orando ao Senhor pra que faça a Sua boa, perfeita e agradável vontade.

Depois que o culto terminou, atendi a tantas pessoas e até ouvi de uma irmã que, através de mim, o Senhor havia lhe dado uma ordem de voltar para o Brasil e ficar junto da sua filha. Outro casal, o Marquinhos e a Dani (que estão grávidos), me deram um conjunto de cama lindo (e eles têm um idêntico) pois Deus em sonho falou pra eles me presentearem. Será que eu e o Dê vamos engravidar tb??? rsrsrs

Ah! Foi tão maravilhoso! Foi inesquecível! Voltei para o hotel tão feliz e grata ao Senhor, com a certeza no meu coração de que ABRI A PORTA CERTA! Valeu demais ter renunciado o que eu queria para fazer o que Deus queria! Nunca vou esquecer!

Que seja assim em sua vida, nas pequenas e grandes decisões: deixe o Senhor dirigir a sua vida! A chave que Ele te deu só vai encaixar na porta que Ele mesmo construiu.

Um abraço da Nóbrega.

Ana Valadao, Israel e Eu, na Emmanuel Centre

Ana Nóbrega na Assembléia de Deus Alpha

Um conforto!

Olá amigos!

Todos nós, brasileiros apaixonados por nossa nação, temos acompanhado as tragédias na Região Serrana do Rio de Janeiro, bem como, em outros lugares do nosso país. Quanto luto, quanta dor, quantas imagens que arrancam de nós um choro cheio de compaixão. No CTM, temos alunos de todos os lugares do Brasil, inclusive de Teresópolis e Nova Friburgo. Quando ouvimos as más notícias, os dedos frenéticos não paravam de discar no celular, o número dos nossos amigos que possivelmente estarima precisando de ajuda. Mas NADA! Como os noticiários têm nos informado, não há energia, comida e formas de comunicação.

O coração doeu pela falta de informação e as campanhas no Twitter encabeçadas pelo nosso amigo e Pastor amado Alisson (Bean), só começaram! Na página do Orkut: NADA também! Somente mensagens de esperança para cada um deles.

Graças a Deus conseguimos falar com amigos de Teresópolis e tudo estava bem com eles. Infelizmente, alguns parentes foram vítimas das enchentes.

E hoje, acabo de receber um e-mail consolador e surpreendente da minha amiga Juliana, esposa do amigo Haroldo, de Nova Friburgo. Quero compartilhar com vocês:

Amiga, nem acredito que estou podendo escrever p vc, depois de ficar sem luz, sem tel, cel água em meio a uma enchente horrível….

Deus é lindo e maravilhoso, Ele  não deixou acontecer nadinha com a gente e nem ninguém da nossa família…. Isso é mt emocionante!

A cidade está totalmente destruida, perdemos tudo na empresa mas glorificamos a Deus pois Ele preservou nossas vidas….

Amiga vou te contar que dias antes estava conversando com minha mãe e ouvindo a música   Glória que vc canta, ai falei com minha mãe assim, nossa como é difícil fazer isso, cantar e glorificar a DEUS em meio as dificuldades… MAS graças a Deus Ele me deu foçase eu pude cantar e glorificar a Deus enquanto tentava limpar a lama que entrou na empresa…

A água subiu quase 2 metros la na empresa foi horrível, mas exaltamos tanto o nome de Deus pois nada aconteceu com nossa família….

Amiga agora estamos em Santa Luzia, chegamos ontem a noite…

Obrigada pelo carinho e por todas as orações… Continue orando por nós e pelo povo de Friburgo…

Amamos vcs!!!

Juliana e Haroldo!

Obrigada Senhor pelo Livramento na vida dos meus amigos!

BENDITO SEJA O NOME DO SENHOR!

Infinitamente mais!

Oi amigos!

Como é difícil atualizar este blog! Pra mim é um grande desafio: Começar e Completar! Existem tantos jargões sobre isso, tal como: “O importante não é como começa, e sim, como termina!”, do nosso querido Pr. Márcio Valadão. E é verdade! É muito importante levarmos a sério tudo o que começamos na vida!

Cumprir meu chamado, por exemplo, também não é tão fácil! Todos os dias, alguém ou alguma situação quer me tirar do foco; quer me impedir de completar a carreira!

Mais um ano está chegando ao fim e neste tempo de tanta reflexão, agradeço ao Senhor por não ter desistido! Muitas pessoas olham pra mim, para o produto “Ana Paula Nóbrega”, para o que vêm na TV, no DVD ou num CD, e acham que minha vida é uma mar de rosas. Um super produção, muda o exterior, não o interior! Pelo menos no meu caso, nada mudou; sei que essa vida de exposição e de “glamour” tem corrompido a muitos, os quais já receberam sua recompensa aqui. Mas voltando ao assunto, muitos não compreendem o que tanta exposição implica no nosso dia a dia. São tantas renúncias!

E alguém pode perguntar? Por que você não larga tudo e volta a vida simples de antes? Por que você não volta pra Fortaleza? E eu respondo: Em qualquer lugar que eu vá, meu chamado sempre estará lá, esperando para ser abraçado e realizado! Infelizmente, por causa da imaturidade de alguns, não posso me abrir no meu próprio blog, que seria um espaço para isto…

Um aluno do CTM ao ser confrontado por mim, disse que Deus fez dois tipos de pessoas: as que tem tudo, e as que não tem nada. Eu o perguntei se ele me achava plenamente feliz só porque eu era conhecida, gravava CDs… Ele disse que sim! Na nossa cultura, que é tão idólatra, temos a necessidade de “criar deuses, ídolos” e aí está dividido o grande grupo: os que fazem sucesso e os que sustentam este sucesso. Eu não penso como esse aluno que é tão, tão amado por mim. Tentei convencê-lo de que o que me faz verdadeiramente feliz, é ter a presença de Deus em minha vida. Hoje eu posso dizer que reconhecimento, fama, não significa nada pra mim!

Acho que é por isso que estou aonde estou, que vou aonde vou: Porque não fico articulando, desejando ardentemente estar aonde estou, ir aonde vou! Vejo pessoas que fazem de tudo para se divulgarem, nada acontece, elas se frustram, se voltam contra Deus, o qual o tempo todo estava dando os sinais da Sua vontade, porque é Deus Criador que nos fez e sabe o que é melhor pra cada um de nós… e a vida passa, nada foi feito por puro desvio de foco! Deus me livre disso!

Cumprir o chamado do Senhor é carregar a cruz! É fazer o que não queremos fazer, porque nossa carne luta constantemente contra o Espírito. E ao final deste 2010, agradeço a Deus por ter conseguido chegar até aqui; por ter suportado tudo o que suportei porque Ele sempre esteve comigo. Isso é que é infinitamente mais: Nada material e sim, completamente espiritual!

Pelos milagres, pela provisão, pelos novos amigos, pelos intercessores que Ele levantou em meu favor, pelos aprendizados…

Principalmente, pelo que Ele fez através deste vaso de barro as vezes rachado, só posso agradecer! É isso que me faz continuar! Não me importo com outra coisa a não ser: Tenho sido útil no Reino?

Pensei em colocar neste post, fotos de tantas viajens que fiz este ano, imagens dos lugares que conheci pela primeira vez, mas o Espírito Santo me me conduziu de forma totalmente diferente, da forma como realmente sou: Simples.

Quero minha recompensa na glória! Não tenho imagens do que Ele fez através de mim aqui, mas sei que está tudo contado pelo meu Deus! E quando eu O vê-lo face a face, farei questão de receber a minha coroa!

Tu és a minha coroa, Tu és a minha herança, Tu és a minha porção, Jesus, senhor do meu coração!

Bjs da Nóbrega!

DT no Faustão!

Olá amigos!

Há alguns dias prometi aqui no blog de escrever sobre nossa experiência no Faustão! Até pensei em não escrever mais, mas as pessoas sempre nos perguntam, então cri que valia a pena compartilhar.

Céus Abertos! É esta expressão que sempre vem no meu coração quando fecho os olhos e me lembro daquele dia.

Chegamos mais ou menos 12:00 na Central de Jornalismo da Globo, em São Paulo, almoçamos no restaurante da emissora, tudo muito excelente como são as produções da Globo.  O camarim que prepararam para a Ana foi o das âncoras dos telejornais; uma sala muito bonita com imagens desses “profetas”: compartilhei com a Ana que a profissão do repórter, do jornalista, é semelhante a missão dos profetas, os quais trazem boas ou más notícias e denunciam o que há de errado no mundo inteiro. Vocês devem conhecer a história de Tim Lopes, um jornalista que morreu por denunciar a ação dos traficantes nas comunidades do Rio de Janeiro. Morreu queimado; sofreu até a morte por amor a sua profissão, amor a uma causa. Era nesse ambiente que estávamos! Tive uma impressão de que se tivéssemos ido gravar no Projac, não teríamos encontrado ambiente tão “favorável”.

Foi impressionante ver a sede das pessoas naquele lugar, o respeito com o qual fomos tratados, pois cuidaram de nós o tempo inteiro. Na hora de passarmos o som, logo após o almoço, muitos funcionários ao ouvirem o som de “Preciso de Ti”, encheram o auditório e era visível a emoção em cada olhar. Nós estávamos ali para abraçá-los, orar por eles, expressar o amor de Jesus que há em nós. Os diretores da Globo estavam impressionados com a procura pela platéia, com os vídeos que eles tinham visto do DT enquanto preparavam o programa… O Senhor estava inclinando os corações, tocando e quebrantando as vidas lá dentro! Aleluia!

Nós nos sentíamos tão felizes porque não era só uma vitória do DT, mas de toda a Igreja. Me lembro que em um dos congressos, a Ana profetizou a conquista dos montes da sociedade (educação, cultura, política, mídia, economia…), e estar pisando na Globo, um ambiente tão fechado para as coisas de Deus, era um milagre! Isso nos emocionava e o nosso coração se enchia de gratidão.

Pouco antes de entrarmos ao vivo, o Pr. Márcio orou por nós pelo telefone, nos abençoando. Um momento muito marcante! Enquanto a Ana respondia as perguntas, nós como grupo orávamos por ela, pedindo ao Senhor que lhe desse sabedoria no falar. Ele fez muito mais do que pedimos ou pensamos. A glória de Deus era tão forte que encheu o lugar! A platéia glorificava a Deus! O Brasil glorificava ao Senhor! Vimos o Faustão quebrantado naquele momento. Aleluia!

Saindo do palco, recebemos os cumprimentos da direção e novos convites: Portas Abertas! Louvado Seja o Senhor! No jantar, lemos os recados, as palavras de encorajamento da Igreja através do Twitter. Oramos pelos irmãos que desaprovaram nossa ida lá, pq Jesus os ama também.

Até hoje, por onde passamos, sentimos a alegria do povo, porque de fato foi uma vitória da Igreja e eu creio que muitas vidas se renderam aos pés de Jesus!

“Obrigada Deus por mais esta oportunidade de levar a Palavra, de adorar Teu nome em rede nacional, de ver o cumprimento de promessas que o Senhor nos fez. Tu és Bom! Fiel! O Deus que muda a história da nossa nação!”

Abraços!

Que seja feita Tua vontade!

Oi amigos! Ainda não escreverei sobre o DT no Faustão; no próximo post, certamente!

De ontem pra hoje estive tão sensível a voz do Senhor e aprendi muitas coisas, as quais quero compartilhar com cada um de vocês.

Divulguei no meu Twitter ontem que estou de mudança, mais uma vez. Neste ano, a terceira! Ali abri um pouco meu coração, mas nada como me expor um pouco mais aqui no meu blog.

Preciso sair da casa onde estou morando; ela pertence a líderes aqui do CTM, os quais desejam reformá-la e habitá-la! rsrs Sendo assim, preciso mudar e isto já faz algum tempo. Encontramos uma casa, mas eu nunca gostei dela. O Dê ficou mais tranquilo, mas eu sempre achei defeito. Tinha outra casa que eu me agradava muito, embora nunca a tivesse conhecido por dentro; pelo menos, não teria de entrar pelos fundos e nem tinha escada. Tinha mais cara de casa e o dono dela já tinha nos dado preferência, mas voltou atrás. Uma pena!

O resultado foi que ontem me animei para fazer a faxina na casa que eu não quero ir e desceu um chuvão daqueles, faltou energia… Mas tudo bem! Tentarei novamente.

Quando escrevi no Twitter sobre a minha mudança, nem percebi o que aquilo significaria no mundo espiritual pra mim. Fui dormir e tomei aquele susto na cama…me veio um discernimento, uma luz, um medo também e muito clamor!

Sei que o Senhor tem planos pra mim ainda este ano e tenho desconfiado de algumas coisas, as quais não gostaria fazer. E aí você pode perguntar? “Mas como? Você não quer fazer o que Deus tem pra você?”. E eu digo que certamente tem algumas coisas que Ele me pede, alguns desafios diante de mim que me fazem tremer nas bases. Então, quando reconheço isto, pelo à Ele que incline meu coração para fazer Sua vontade.

Nos últimos dias tenho percebido algumas coisas acontecendo ao meu redor, situações que envolvem meu nome; é algo que não posso abrir totalmente, mas de fato, não é isso que importa pra vocês, e sim, o aprendizado.

Já me peguei dizendo ao Senhor:”Passa de mim este cálice!” ou “Se o Senhor não for comigo, não me faça sair daqui!”. Não é uma atitude de um coração endurecido; é medo mesmo e não custa admitir.

E ali na minha cama, quase dormindo, vi o forte paralelo entre as duas coisas: Minha nova casa, minha vida! (Pesquei do Lula! rsrs Mas não estou induzindo ninguém!).

Eu “arregalei” o olho e disse a mim mesma: “Deus, o Senhor está me mandando pra esta casa que eu não quero ir, bem como, me fará viver coisas que eu não quero, que tenho medo!” E eu chorava: “Não, Senhor! Me diz que não é verdade!” Buuuáááá!

E aí, eu comecei a orar pedindo a Ele que fizesse aquela resistência cair por terra, em nome de Jesus! Disse que não queria ser como Jonas, o qual endureceu seu coração até o fim, fez a vontade do Senhor “na marra”. A obra em Nínive foi feita, mas em Jonas ainda havia muita coisa pra mudar.

Saindo de casa hoje de manhã, encontrei uma pessoa que admiro demais: o Léo! Sei que tem gente que joga pedra nele, mas acho que ele é o mais santo de todos porque vive a verdadeira religião. Ele é um ex-aluno do CTM, que ficou por aqui e ama os trabalhos sociais. Atualmente, ele trabalha na creche Filhos do Rei, perto do CTM, administrada pelo Ministério Intimidade, da Pra. Lílian Abucater, a dona da casa onde estou morando.

Fui ao encontro do Léo e perguntei como ele estava, o qual não hesitou em pedir oração, porque está vivendo uma situação muito delicada. Uma mãezinha abandonou seus dois filhos na creche e ninguém tem notícias dela. Eu fiquei chocada! E o Léo foi me dizendo que em poucos dias sua vida mudou completamente, pois ele se sente o pai dos meninos por ter se apegado tanto, não tem coragem de deixar os meninos em um abrigo, mas está tomando conhecimento dos meios legais para não ter problemas judiciais. Ele me disse que tinha tantos planos, viagens para conseguir recursos para seus projetos e agora, ainda que não queira, teve que deixar tudo de lado por causa das crianças. Por causa das crianças! Por que no final, o que importa é o outro e não eu mesmo.

Ao me despedir do Léo, disse: “Amigo, você não imagina o quanto Deus falou comigo através desta experiência!” E ele apenas sorriu!

Jesus também sentiu medo diante dos desafios… sei que sentiu! Ele foi homem como cada um de nós. No entanto, obedeceu ao Pai até o fim. A gente reclama por tão pouco e ainda nem estamos transpirando até o sangue…

“Não mais vivo eu, mas Cristo vive em mim! Seja feita Tua vontade!”

Amo vocês!

Se eu Te buscar mais!

Oi amigos do Blog!

Ontem, já no final da tarde, estava me aprontando para sair do trabalho em direção a minha casa, quando um aluno muito querido veio conversar comigo. Aqui no CTM, mais especificamente neste ano, tenho percebido que o Senhor me deu novos dons, novas capacidades e uma delas é a de aconselhar. Poder deixar de lado as minhas obrigações e escolher ouvir alguém sem pressa só pode ser um dom de Deus, principalmente nos dias de hoje em que somos tão individualistas e preocupados com as nossas vaidades.

Enquanto esse aluno abria seu coração, eu orava ao Espírito Santo que me ajudasse porque considero a missão de aconselhar muito difícil, e como eu tenho uma certa influência sobre a galera da escola, pode ser que o que eu diga tenha muita importância. É claro que eu prestava muita atenção em cada coisa que ele falava, mas no meu íntimo eu clamava:”Espírito Santo, tem misericórdia de mim!”

Quando ele terminou de falar, começou a minha vez de compartilhar aquilo que eu cria vir de Deus e foi tão interessante a reação que ele tinha enquanto eu o aconselhava. As vezes baixava a cabeça, as vezes só faltava pular da cadeira como se as palavras que eu dissesse o impactasse literalmente. Outra coisa que ele disse e eu não me esqueci:”Meu Deus! Esta palavra está queimando dentro de mim!” Isso mexeu comigo porque senti que não era eu falando, mas Deus em mim. Se ele saiu da minha sala impactado, quanto mais eu.

Quando cheguei em casa e o Dê não estava lá, comecei a pedir perdão ao Senhor por não buscá-Lo mais. Eu dizia em oração:”Senhor, me sinto tão negligente e  o Senhor ainda tem misericórdia de mim!” Eu comecei a perguntá-Lo: “Pai, o que aconteceria se eu Te buscasse mais, se a minha intimidade fosse maior?!” E fiquei meditando sobre isso.

O resultado, por enquanto, foi uma música que Ele me deu:

“Tu és a fonte

Que nunca cessa, Senhor

Sei que há mais

Para aprender de Ti, Senhor

Conhecerei , Conhecerei

Prosseguirei em conhecer-Te

Se eu Te buscar mais

Se eu orar mais

Se a minha intimidade for maior

Eu serei muito melhor

Transbordarei de Ti

Se eu me quebrantar

E viver pra Te adorar

Serei segundo o Teu coração

E todos saberão

Que o Senhor vive em mim.

 

Deixo com vocês uma frase de Agostinho de Hipona (Santo Agostinho): “Pregue a Palavra e se for preciso, use as palavras.”

Seu testemunho é mais importante, sua vida fala mais alto e este poder é gerado na intimidade com Deus.

Um bj da Nóbrega

SUPERANDO LIMITES!

Olá amigos!

Espero que todos esteja bem, na paz do Senhor Jesus!

Estou aqui no blog para compartilhar sobre minha aventura, com a equipe de louvor Intensity, aqui do CTMDT, na última sexta-feira (14/10/2010). Fomos convidados para ministrar o louvor e levar a Palavra em um acampamento de jovens, num sítio em Contagem.

Saímos do CTM as 19:30h, oramos ao Senhor pra que nos abençoasse na viagem, que nos livrasse de todo mal, que fizesse coisas novas em nosso meio e que por amor a tantos jovens que estariam ali, Ele nos fizesse chegar em paz. Enquanto me arrumava, fiquei cantarolando a  ponte de Nos braços do Pai: “Pai, meu Pai, meu Papai, Aba Pai”; logo me veio a mente,  e-mails que tenho recebido de tantos jovens com dificuldade em sua sexualidade e senti que o Espírito Santo queria que todos cantássemos: “Pai!”  Era desejo Dele que aqueles jovens ouvissem sobre um Pai que os amava e que desejava recostruir cada vida. Cheia de expectativa, saí de casa!

O tempo foi passando e nada de encontrarmos o lugar. Rodamos que nem o povo de Israel no deserto, pois um trajeto que é feito em 45 min, parecia não ter fim. Na vã, eu ouvia comentários de alguns já desmotivados e em outros, Deus despertou o desejo de orar e clamar. Eu permaneci bem quietinha toda a viagem, orando em todo tempo; queria saber como era o coração da equipe que estava me acompanhando. Isso é muito importante! Todos precisam estar em UNIDADE.

No meu íntimo disse ao Senhor: “Pai, se não encontrarmos o lugar até 22:00h, entenderei que deveremos voltar para o CTM. Tristes, mas voltaremos.” Quando deu 22:00, achamos o lugar! Eu me alegrei e cri que o Senhor tinha planos pra nós ali.

Saindo da vã, uma turma foi montar o equipamento e outra foi jantar e nesta oportunidade conhecemos os pastores e outros membros  da igreja com os quais havíamos feito contato. Um tempo de comunhão! Depois, trocamos: fomos passar o som dos microfones e a base, se alimentar. Eu pensava:”Meu Deus, quem vai ter disposição pra Te cultuar uma hora dessas?” Eu olhava pra alguns rostos e via muita gente bocejando e fui levada a pensar que era melhor diminuir a lista e nem pregar.

 

Hora de pregar a Palavra!

 

Quando deu 00:00h, tínhamos acabado de passar os microfones e eu nem quiz saber de nada. Já fui cantando, orando, chamando todo mundo pra cultuar ao Senhor. Os jovens foram enchendo o lugar, e nós proclamávamos a Palavra, uns oravam em línguas, outros faziam pequenos grupos de oração, a banda foi chegando e já se posicionando. Quando menos percebi, a Glória de Deus estava naquele lugar, enchendo nossas vidas.

Testemunhei da luta que foi chegarmos ali, lembrei da oração que fiz na vã e vi o Senhor com Sua graça respondendo cada pedido, fazendo coisas novas. Que meu me lembre, nunca ministrei num culto de madrugada! rssr O Espírito Santo foi me movendo em intercessão, foi me dando motivos de oração e todo mundo veio comigo, no mesmo Espírito! Eu via jovens no chão, clamando pelo Pai, gritando, pedindo socorro… Foi uma confirmação tremenda do Senhor!

Havia sede e fome por Deus. O nome do encontro era “Superando Limites!” Eu fiquei tão feliz de ver jovens, independente da hora, buscando mais de Deus. Assim é “a geração que muda, que faz acontecer” (trecho de um rap do novo CD CTMDT): que busca a Deus nas madrugadas, que chora e geme diante da Sua Presença.

 

Minha amiga Betinha (Roberta Izabel) cantando "Como és eu quero ser...!"

 

Falei sobre Jonas, o profeta que endureceu o coração para fazer a vontade de Deus, que se importava com os seus próprios interesses (a planta que lhe dava sombra), quem em sua oração (capítulo 2 de Jonas) demonstrou gratidão e louvou ao Senhor pelo livramento(o tirou de dentro do ventre do grande peixe), mas que não demonstrou quebrantamento. Em nenhum momento da carta lemos que Jonas tenha pedido perdão a Deus. É certo que Nínive foi salva e que através de Jonas houve salvação, mas em sua própria vida havia ainda uma grande obra a ser realizada.

Enfim, saí de lá com a certeza de que fizemos o que Deus queria que fizéssemos: Superamos nossos limites! Que a Palavra tenha caído em boa terra.

Que seja assim com você também: Ponha os seus olhos no Senhor, tenha seu espírito ligado ao Espírito de Deus para realizar Sua vontade. Não desista diante dos obstáculos. Satanás sempre se levantará para frustrar, mas nós sempre passaremos por cima dele para vencermos!

Abaixo uma foto da gente, às 03:10 da madruga, depois do culto!

 

Para uma ministração intensa, só podia ser a Intensity! kkaka

 

Aleluia!

Bjs da Nóris!